02/02/2019 - 13h
Município de Presidente Castello Branco completa 55 anos
Corte do bolo está marcado para segunda-feira, ás 13h15

Na segunda-feira, dia 04, o Município de Presidente Castello Branco completa 55 anos de emancipação político-administrativa. A Câmara Municipal de Vereadores e a Administração Municipal prepararam uma extensa programação. 

Conforme o prefeito, Ademir Domingos Miotto, será uma honra receber toda população para a comemoração dos 55 anos e o corte do bolo. “Foi elaborado uma grande programação com festas já tradicionais no município. Bem como inauguração de obras de infraestrutura para o município. Fora do calendário das comemorações também está à inauguração de mais uma sala de aula na escola nova. Agora serão três amplas salas para nossos alunos”. 

Todos os munícipes estão convidados para fazer parte das comemorações especiais do aniversário. 

PROGRAMAÇÃO

Nesta segunda, dia 04/02 - Aniversário de Emancipação Político-Administrativa do município de Presidente Castello Branco:

Festa da Gruta Nossa Senhora de Lourdes da Sede.
10h30min - Missa na Gruta Nossa Senhora de Lourdes 
12h00min - Almoço no Centro Paroquial Sadi José Pissaia
12h30min – Música ao Vivo com Érica Ritter
13h15min - Corte do bolo dos 55 anos 
14h00min - 6º Kerbfest da Terceira Idade, animado pela Banda Arco Íris


HISTÓRICO DO MUNICÍPIO 

A origem do município está no povoado de Dois Irmãos fundado em meadas de 1935, com a chegada dos imigrantes italianos que moravam no Rio Grande do Sul, André e Pedro Sampietro.

Com a denominação de Dois Irmãos, a região que hoje compõe o Município de Presidente Castello Branco fez parte, a princípio, de dois municípios, parte de seu território pertencia ao Município de Cruzeiro (atual Joaçaba), e, parte dele ao Município de Campos Novos.

Ocorrida à emancipação do Município de Concórdia no ano de 1934, Dois Irmãos (área até então sob a jurisdição de Cruzeiro) foi a ele anexado, desagradando à liderança político-administrativa do Município de Cruzeiro, o qual passou a lutar pela posse da área (sua por direito).

Assim sendo, no ano de 1943, Dois Irmãos retorna a pertencer à jurisdição do Município de Cruzeiro através do decreto Lei n.º 941, sendo mais tarde administrado pelo distrito de Jaborá.

Entretanto, mediante a criação do Município de Capinzal em 30 de dezembro de 1948, através da Lei n.º 247, com área desmembrada dos Municípios de Cruzeiro e Campos Novos, o povoado de Dois Irmãos foi a ele anexado.

Em 29 de setembro de 1952, o povoado de Dois Irmãos é elevado à categoria de Distrito, onde, desde então o sonho em conquistar e constituir sua própria sede administrativa passou a fazer parte do dia a dia de sua população.

De conformidade com a Lei Municipal n.º 10/62, da Câmara Municipal de Vereadores de Capinzal, que cria o Município de Ouro, e da Lei Estadual n.º 870/63, aprovando a respectiva criação, Dois Irmãos passa a integrar o território do Município de Ouro.

Em 11 de novembro de 1963, Dois Irmãos conquista seu tão esperado sonho: é elevado à categoria de Município, através da Lei Estadual n.º 931, porém sua instalação ocorre somente em 04 de fevereiro de 1964, data em que se comemora o aniversário de emancipação político-administrativa do Município.

No ano de 1965, através da Lei estadual n.º 1037, de 29 de dezembro de 1965, o Município de Dois Irmãos passa a ter nova denominação: Município de Presidente Castello Branco.



Impresso em: 22/09/2019 às 04:57


Rádio Rural AM 840