Rádio Rural AM 840

COLUNA DO LUÍS LONGHINI

Luis Longhini


Nos 86 anos de Concas, concordienses interpretam a Valsa Concórdia. Espie!

Por Luís Longhini
Sociedade
29/07/2020 às 10h14

CONCÓRDIA – ...Ela nasceu pequenina e cresceu; Cheia de belezas mil; Grande será, pois seu nome já está; Na geografia do Brasil; Deus a proteja sempre; Que esteja em perigo; A fartura de pão; Mesmo a criança que brinca no chão; Sabe de cor a canção; Lá em Concórdia se canta e se diz; Nossa gente é contente é feliz; Lá lá lá lá lá lá; Gente piu bona mai piu nascerá; El bambino la mama e pupa; Tuti felicitá...

O poeta e escritor Wilson Cancian já afirmava... Que quando escurece, Concórdia aparece noiva vestida de véu; Vai se casar com a luz do luar; Depois morar lá no céu... e assim a famosa Valsa Concórdia todos os anos ganha interpretações maravilhosas, geniais que engrandecem ainda mais o espirito de quem mora pela terrinha.

E neste ano não foi diferente...

A letra e a canção que todos nós conhecemos deu embalo as homernagens dos 86 anos da cidade com interpretações de: Luiz Fernando Furlan; Ângelo Sprícigo; Antonella Baron; Gladys Magalhães Rigon; Neivete Paludo; Ryan da Silva Cirne; Ivete e Hugo Martini; Daniel Francisco da Silva; Cladiane Maletzke; Luiza Baggio Lorenzett; Cinthia Bergamo; Franciele Galina; Felipe Marcusso; David Simioni... entre tantos concordienses que fazem de Concórdia uma terra boa de se viver.


Confira a integra do vídeo!

 

Fonte: Luís Longhini - Foto: Reprodução, Divulgação - Vídeo: redes sociais Prefeitura de Concórdia





01 COMENTÁRIO - Deixe também o seu Comentário



Ivete comentou em 30/07/2020 as 07:38:59
Amei, ficou muito linda, parabéns para todos.






VEJA TAMBÉM