Rádio Rural AM 840

OPINIÃO

MARCOS FEIJÓ



Radiojornalista
Marcos Roberto Andriatta Feijó, 49 anos de idade - Natural: Porto Alegre. Radiojornalista (curso superior sequencial/UNC Concórdia) 31 anos de profissão. Narrador esportivo




COMO VAI A SUA AGENDA, DE PAPEL?

O que vem depois de dezembro?
Adicionado em 26/05/2020 às 12:18:25

Em qual momento do ano estamos? Contamos os meses simplesmente pra não se perder, mas “o náufrago”(Chuck Noland/Tom Hanks), aquele do filme, deveria estar mais orientado fazendo os riscos na árvore, marcando os dias,  do que estamos agora com a pandemia. Exemplo prático, dou aqui: as agendas que ganhamos no início de cada ano(ou no final do outro, ainda), ou que compramos em livrarias. Qual a função delas em 2020? Se foi! Alguém poderia antecipar a de 2021? O que vem depois de dezembro é janeiro, mesmo? Não haverá um mês extra, inédito após dezembro.

Lembra os que se baseavam, para grandes viagens marítimas, lá por 1800, pelo sol, pela lua? Estamos nos baseando, agora, com tanta tecnologia, com o que? O que era pra ter sido em março não foi em abril e não será e maio. O que era para ser em junho não será em julho nem em agosto.

Será que dá pra criar um mês novo, ou mais? Já pensou se o que for para fazer em janeiro não der nem pra fevereiro, nem pra março…!?

AH! não coloque a agenda fora. Desenhe, rabisque! Se pô-la, lembre do lixo reciclável!


(TWITER: MarcosRFeijó)





SEJA O PRIMEIRO A COMENTAR




VEJA TAMBÉM

07

Jul
Marcos Feijó

O material...

Vocês já pararam para perceber o tamanho do mundão? Já notaram quando viajamos olhando pela janela a imensidão de campos sem fim? Pois a grande maioria de nós vive a viva toda por um pedacinho de chão, talvez uma média de 450 metros quadrados e a sua...

Leia mais

30

Jun
Marcos Feijó

Não mais na minha geração

Duas obras para Concórdia, que particularmente tanto cobrei, e que não creio mais que as verei: a reforma do ginásio Silveirão e a calçada(passeio) entre o Guilherme Reich e o Nova Brasília, costeando a SC 390. A falta de força política é maior que o...

Leia mais

23

Jun
Marcos Feijó

Não perca a força!

A palavra “quebradeira” é até um pouco pejorativa, mas quero escrever a linguagem simples. Tenho falado com algumas pessoas que entendem de finanças e a maioria diz que a “dor de barriga” sequer chegou. O certo é que teremos que nos regenerar. Viver...

Leia mais

16

Jun
Marcos Feijó

APODRECEU!

Deu, acabou, vamos pra realidade, pra verdade, pra mais pura definição: a SC 283, entre Concórdia e Chapecó apodreceu. Isso mesmo: de apodrecer. Reforço o sentido da palavra porque a rodovia está podre.  Mas se você que uma rotulagem mais sutil:...

Leia mais

09

Jun
Marcos Feijó

Futebol retrô!?

Não parei para assistir, muito menos ouvir, retransmissões de partidas de futebol. Na verdade, por curiosidade, alguma coisa da Copa de 70 acabei vendo, mas bem pouco. A maioria dos cronistas diz que nos dias de hoje o futebol é mais valente, mais...

Leia mais