Rádio Rural AM 840

OPINIÃO

EDERSON VILAS BOAS



Jornalista
Éderson Carpeggiani Villas Bôas
Jornalista formado pela UnC Concórdia em 2007
Repórter do Departamento de Jornalismo da Rádio Rural
Repórter Esportivo da Rádio Rural
Comunicador da Rádio 96 FM




​Temos a nossa hora... nosso minuto... nosso segundo

O caso de Ingra é um destes momentos que nos faz pensar que temos um propósito nessa vida.
Adicionado em 13/02/2020 às 06:08:28

Não gosto muito de misturar religião nos meus comentários, pois tem pessoas que não absorvem bem o tema e gera conflitos de opinião. Mas eu acredito em milagre. Tenho a certeza que temos nossa hora, nosso minuto e nosso segundo nesse plano terreno.

E a Ingra é um destes milagres. Pensar que há oito dias, ela teve um duro golpe. Aliás, mais de 20 duros golpes e ficou entre a vida e a morte. Há quem diga que a hora que ela foi encaminhada ao Hospital, naquela triste noite de terça-feira, não permaneceria por muito tempo nesse mundo.

Pois na manhã desta quarta recebemos a informação que, poucos dias depois do acontecido na Rua do Comércio, ela já estava em quarto normal. E, na mesma noite desta quarta, recebo em minha rede social, um vídeo onde ela, sorridente, agradece a todos que torceram e rezaram pela sua recuperação.

Eu tenho minha fé, minha crença, que não é igual da sua, leitor. Mas quero dizer que eu acredito em milagre, pois já presenciei muitos. Inclusive próximos a mim. E o caso de Ingra foi um destes momentos que mostram que temos a nossa hora. E a dela, com certeza, não é agora.

Claro, que temos que creditar, parte disso, a medicina, pois, os médicos, enfermeiros, bombeiros, tem haver com o contexto. Mas a fé dos amigos e familiares e, dela mesma, querendo viver, falaram mais alto.

Esse é um exemplo de que temos que acreditar. Temos que ter fé. As pessoas podem estar se perguntando: “mas porque não aconteceu comigo e eu perdi alguém próximo”? Como eu escrevi no início do texto: Acredito que temos nossa hora, nosso minuto e nosso segundo. Deus leva ao lado dele alguns guerreiros e outros ficam por aqui pra seguir lutando.

Mas não esqueça que cada um de nós escreve a sua história. Não quero me contradizer, mas não espere só que Deus faça por você. Você tem que fazer por si e aproveitar cada momento ao lado de quem você ama. Lute, comemore, sorria, chore, grite, pule, caia, levante… Mas, VIVA!





SEJA O PRIMEIRO A COMENTAR




VEJA TAMBÉM

26

Mar
Ederson Vilas Boas

​O tempo do Decreto nos fez bem

Vou falar do Coronavírus, mas prefiro não entrar em bola dividida sobre política ou do que pode ou não atender. Prefiro falar sobre a vida, num momento que muitos estão com medo de perdê-la. É difícil lidar com algo que a gente não vê. Só sabemos...

Leia mais

19

Mar
Ederson Vilas Boas

​Inacreditável

Nos meus mais de 40 anos de vida e mais de 20 militando na imprensa, não imaginaria, um dia, ver a cidade, num dia que seria normal, com o comércio fechado. Sem ninguém. As ruas hoje pela manhã estavam desertas. Claro, sem o trânsito normal de uma...

Leia mais

12

Mar
Ederson Vilas Boas

​Chegou a hora do Galo cantar e permanecer na Série A

Quero falar hoje de esporte, sair um pouco do lado “romântico” e falar no que eu mais entendo. Na verdade escrevo outros temas, porque quando meus dedos ficam nervosos no computador e o “Tico e o Teco” funcionam eu gosto de escrever. Mas o esporte é...

Leia mais

05

Mar
Ederson Vilas Boas

​Todos os dias devemos reverenciar a Mulher

Quando era criança ouvia a frase: “Em mulher não se bate nem com uma flor”. Infelizmente não é isso que acontece hoje em dia e, aquela frase, ficou para trás, mesmo não devendo ser. Nos últimos tempos, nós que trabalhamos com notícias,...

Leia mais

27

Fev
Ederson Vilas Boas

​A Hashtag que nos emocionou

Não teve como não se emocionar com as homenagens feitas nas redes sociais, desde a última sexta-feira, para os pais de Concórdia que perderam o filho de forma trágica, após se acidentar em um balanço, no parque infantil, no bairro Floresta. A cada...

Leia mais