Rádio Rural AM 840

OPINIÃO

SIMONE VIEIRA



Jornalista
Formada em Comunicação Social - Radialismo (Unoesc/Joaçaba). Formada em Jornalismo (UnC/Concórdia). Pós-Graduada em Análise, Escritura e Reescritura Textual (URI/Erechim). Pós-graduada em Marketing e Vendas pela FACC. Formada em Direito pela FACC.




Ansiedade pelo resultado

Estudantes aguardam notas que vão definir seu ingresso nas faculdades e universidades
Adicionado em 08/01/2020 às 10:01:46

Na sexta-feira, dia 17, o Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), deve divulgar o tão aguardado resultado das provas do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem 2019). Nas redes sociais é impossível não se divertir com os memes sobre essa espera sem fim. 



É compreensível o que significa essa pontuação. Com a nota alcançada no maior exame de acesso ao ensino superior do país, o estudante pode entrar em uma universidade pública, participar de programas de bolsas e financiamento estudantil em instituições privadas e até ir estudar em Portugal.


Para os estudantes que estiverem de olho em instituições privadas de ensino superior pode concorrer a bolsas integrais (100%) e parciais (50%) por meio do ProUni. Para bolsas parciais, a renda familiar bruta mensal do candidato deverá ser de até três salários mínimos por pessoa. Já o benefício integral, exige que o ganho seja de até um salário mínimo e meio por pessoa. 



Acredito que essa nota seja muito importante para quem está em busca de um sonho, uma profissão, ocupação, que faça sentido nessa existência. Buscando ser empregado, autônomo ou empregador. 

Acredito que a educação pode sim transformar a vida de um ser humano, quando se coloca o conhecimento em movimento para ajudar a coletividade. Porém, se o seu filho não obtiver nota o suficiente para ingressar na tão sonhada “federal de medicina”, quando sair o resultado do Enem, se este não for positivo, pai/mãe, sim vocês têm o dever de acompanhar, cobrar resultados, empenho, pai e mãe amam com força e sempre esperam o melhor para os seus filhos, sempre tentam fazer o máximo com a experiência de vida que tem e o que o recurso financeiro permite. Contudo, não projetem o que vocês não puderam ser em seus filhos, isso é uma grande fonte de frustração, conflito, ansiedade, sentimento de rejeição quando os filhos não conseguem corresponder as suas expectativas. 

Jamais faça comparação com aquele irmão/irmã que passou de primeira, já está cursando Direito, na UFRGS, há três anos. Comparar aos primos então, nem pensar. 
Se você é estudante e está lendo essa coluna, hoje essa nota pode parecer tudo, te deixa ansiosa/o, te faz perder o sono, te faz pensar o que vai ser de 2020, mas, entenda uma coisa na sua vida, nem 1000 pontos no Enem vão garantir “sucesso profissional”, seja lá qual for à definição que você dê para essa palavra. 

Antes de definir um curso superior e passar 48, 60 meses da sua vida tentando adquirir conhecimento, um título para ostentar, para se justificar, gastando tempo e dinheiro seu ou de seus pais, procure descobrir o que faz realmente sentido pra você, se as suas habilidades vão fazer a diferença na vida das pessoas. Se for só para ganhar dinheiro, desista. Dinheiro por dinheiro, faz a existência perder o sentido. 

Sonhar, ambicionar ter uma qualidade de vida boa, ótima, fantástica também impulsiona a caminhada, só não pode ser só isso. Há muitas outras habilidades necessárias para conseguir ter algum êxito na profissão que você escolher. 

E com a Revolução da Inteligência Digital, sinto muito lhe informar que você deverá ter não uma, mas várias profissões ao longo da vida. Então, permita-se ser e descobrir o que faz sentido para você.  “Não tenhamos pressa, mas, não percamos tempo”. 







SEJA O PRIMEIRO A COMENTAR




VEJA TAMBÉM

25

Mar
Simone Vieira

O QUE TEMOS DE MAIS PRECIOSO?

Nestes tempos de confinamento, restrições, insegurança, notícias preocupantes, somos forçados a parar para valorizar coisas que muitas vezes não damos importância.  O aperto de mão, um abraço nos mais íntimos, a liberdade de ir e vir. Só quando...

Leia mais

11

Mar
Simone Vieira

Estabilidade da gestante e licença-maternidade

De acordo com o artigo 373-A, inciso II da CLT (Consolidação das Leis do Trabalho), negar vaga de emprego a uma mulher que descobre estar grávida nos exames admissionais é atitude discriminatória. A Lei 9.029/95 também lista como crime por prática...

Leia mais

26

Fev
Simone Vieira

Operações financeiras mais baratas

O Banco Central (BC) lançou o sistema de pagamento eletrônico Pix, que permitirá transações como transferências e pagamentos, incluindo de contas, em até dez segundos. Os bancos e instituições financeiras com mais de 500 mil clientes deverão se...

Leia mais

19

Fev
Simone Vieira

Ela possui uma nova missão

Basta uma olhada rápida em nossa editoria de polícia para você verificar quantas notícias relacionadas à ameaças, agressões, lesões contra à mulher. Muitas mulheres que já sofreram violência doméstica ou estão em situação de risco apresentam...

Leia mais

05

Fev
Simone Vieira

Muros e a privacidade entre vizinhos

Um muro pode garantir certa privacidade entre residências próximas. Assim se evita que objetos vão parar no terreno do vizinho, animais, ou mesmo atividades sejam feitas com mais intimidade e privacidade. Porém, construir muros e cercas pode...

Leia mais