Rádio Rural AM 840

NOTÍCIAS


Carnaval

Liga realiza reunião para acertar detalhes para o Carnaval

Desfile deve ocorrer no dia 26 de fevereiro.

Por Luan de Bortoli
13/01/2017 às 08h15

Após receber o aceno positivo e uma verba um pouco menor para a realização do Carnaval 2017, a Liga Independente das Escolas de Samba de Concórdia (LIESC) agendou para esta reta final da semana duas reuniões para ajustar destalhes para o desfile deste ano. Uma das reuniões ocorreu ainda na noite desta quinta-feira, dia 12, apena com a direção da Liga, e a outra ocorre na noite desta sexta-feira, dia 13, aí com as agremiações.

De acordo com o presidente da Liesc, Neuri Gargheti, as duas reuniões têm como objetivo discutir os novos encaminhamentos do Carnaval depois da redução de recursos, bem como acertar detalhes de regras. Na noite desta quinta-feira, de acordo com Gargheti, a direção da Liga basicamente tratou das decisões anunciadas pela prefeitura e traçou alguns parâmetros iniciais para a realização do Carnaval de Salão, uma das grandes novidades para este ano, e que vai ocorrer no Centro de Eventos, no Parque de Exposições.

Já na noite de hoje, sexta, a reunião será um pouco maior e mais detalhada. A Liga vai ouvir das escolas o que já está pronto e o que ainda falta para o desfile, que neste ano deve ocorrer apenas em uma noite, provavelmente no dia 26 de fevereiro, data ainda a ser confirmada. Por conta da redução da verba, algumas regras poderão ser revistas, como, por exemplo, a diminuição do número de componentes ou de carros alegóricos, o que se trata de uma adequação financeira.

Sobre os recursos oferecidos pela prefeitura, que em sua totalidade deve chegar ao valor de R$ 100 mil, bastante abaixo do que em anos anteriores, o  presidente da Liesc afirmou que é preciso aceitar o valor e buscar uma readequação. O valor é baixo em função da crise econômica que reflete nas prefeituras. Esperando valor superior, Gargheti diz que menos ou mais, recursos sempre faltam, mas sempre fica a expectativa de encontrar patrocínios privados. Ainda sobre os desfiles, até o momento nenhuma das três escolas manifestou intenção de não desfilar.





SEJA O PRIMEIRO A COMENTAR




VEJA TAMBÉM