ÁREA RESTRITA - Bem Vindo {NOME_USUARIO}




NOTÍCIAS


CONCÓRDIA

Taxista sai do hospital e mostra marcas das facadas
Seis facadas na nuca, uma no peito e outra no braço.


Por Marcos Feijó
Em 13/04/2017 - 07h45 - Atualizada em 14/04/2017 - 18:30



O taxista Odair Bisognin, assaltado na noite do sábado (8) em Concórdia, saiu do hospital e concedeu entrevista para a Rural/Rádio 96. Três elementos cometeram o crime e foram seis facadas na nuca, uma no peito e outra no braço. "Mais cinco minutos eu morreria", disse ao repórter Serginho Primam (OUÇA abaixo).

"Provavelmente não voltarei para a profissão, vou pensar", completou.  Os bandidos seguem foragidos. Esse foi o segundo assalto a taxista em Concórdia neste ano.


Escute o áudio desta notícia:




02 COMENTÁRIOS - Deixe também o seu Comentário



Alceu Matiollo comentou em 13/04/2017 as 20:50:50

Paul, com certeza não, certamente devem estar muito ocupado visitando algum presidiário vendo se ele esta sendo tratado.
Paulo Pucci comentou em 13/04/2017 as 11:53:55

Só uma informação.Alguém dos direitos humanos foram verificar a situação desse trabalhador,



© - Ideia Good - Soluções para Internet