ÁREA RESTRITA - Bem Vindo {NOME_USUARIO}




NOTÍCIAS


REGIÃO

Pena de 17 anos no primeiro feminicídio da região
Jovem de 21 anos foi assassinada com 3 tiros em Jaborá.


Por Marcos Feijó
Em 19/05/2017 - 07h32 - Atualizada em 21/05/2017 - 09:19



Aconteceu nesta sexta (19), no Fórum de Catanduvas, o julgamento popular de Disnei Scopel(33). Ele estava indiciado em feminicídio. O caso é de novembro de 2015 em Jaborá. Disnei matou, com três tiros, Tatiane Pimentel (21).  Ele foi condenado a 17 anos de prisão (14 pelo homicídio e 3 por posse de arma e silenciadores). Consta que houve discussão e ela deixou a residência onde ambos estavam. Acabou perseguida e morta com dois tiros na cabeça e um na perna em plena via pública, rua Sete de Setembro.  A pena é com as qualificadoras do uso de recurso que dificultou a defesa e feminicídio.
 

Presidiu a sessão, que durou mais de 11 horas, o juiz José Adilson Bitencurt Júnior. Na acusação trabalharam o promotor Flávio Fonseca Hoff com a assistente Maria Heleno Cerino. Na defesa de Disnei esteve a advogada Monia Lidiane Tonial. 


Disnei volta para o presídio de Joaçaba onde aguardava o julgamento.






SEJA O PRIMEIRO A COMENTAR




VEJA MAIS



© - Ideia Good - Soluções para Internet