ÁREA RESTRITA - Bem Vindo {NOME_USUARIO}




NOTÍCIAS


GERAL

Comitiva da Argentina e Paraguai visita Concórdia
Objetivo é firmar parceira voltada à Rota do Milho.


Por Luan de Bortoli
Em 22/05/2019 - 06h44 - Atualizada em 22/05/2019 - 09:52



Concórdia recebeu no início desta semana uma comitiva de 13 lideranças políticas, empresariais e produtores da Argentina e Paraguai. O objetivo seria firmar parcerias. O grupo fez visitas a empresas que produzem equipamentos para suinocultura e avicultura e visitaram o prefeito de Concórdia, Rogério Pacheco. A comitiva também esteve em uma reunião na sede da Associação Catarinense de Criadores de Suínos (ACCS), além da Embrapa.

De acordo com o presidente da ACCS, Losivânio de Lorenzi, a aproximação com os países vizinhos está dentro do projeto da Rota do Milho, que tem como principal objetivo buscar o cereal nos países vizinhos para abastecer Santa Catarina. “Pretendem fazer parcerias para que possam, cada vez mais, melhorar o plantel genético deles, no Paraguai e Argentina, além da instalação de produção de suínos, mas também abrir a rota de milho, a rota de oportunidade que nós precisamos”

O presidente da entidade ainda reforça a mensagem de que o Estado, cada vez mais, vai precisar do apoio dos países vizinhos para continuar com a produção. “Cada vez mais, nós vamos depender destes dois países para continuar a produção de proteína animal, tendo em vista que toda a lojístia de produção de grãos está voltada para os portos. É uma oportunidade grande, mas precisamos que nossos políticos olhem para isso, e que desburocratizem toda essa questão de fronteira”.

No ano passado o estado colheu 2,5 milhões de toneladas de milho e o consumo foi de 6,5 milhões de toneladas. Para cobrir esse rombo o cereal era trazido do Centro- Oeste, a quase dois mil quilômetros, ou até da Argentina e Paraguai. Com a Rota do Milho é possível reduzir a distância até Naranjal, no Paraguai, dos atuais 540 quilômetros, passando por Foz do Iguaçu, para cerca de 350 quilômetros, fazendo a travessia por balsa no rio Paraná. A data de inauguração da Rota do Milho deve ser definida nos próximos dias.



01 COMENTÁRIO - Deixe também o seu Comentário



Alceu Matiollo comentou em 22/05/2019 as 12:45:17

Muito bom ... temos os melhores cientista do pais na area de Avicultura e Suinocultura e até esquecemos disso , isso vale muito e se podemos exportar conhecimento abre portas para as tecnologias, acredito que temos empresa no setor que podem ganhar muito e com isso gerar empregos nesse negocio. PARABENS A AQUELES QUE TOMARAM A INICIATIVA,



© - Ideia Good - Soluções para Internet