Rádio Rural AM 840

NOTÍCIAS


Saúde

Projeto antitabagismo de Concórdia é destaque e será apresentado em Brasília

Congresso acontece entre os dias 2 e 3 de julho, do Conselho Nacional de Secretarias Municipais de Saúde.

Por Ederson Vilas Boas
27/06/2019 às 06h54


O programa de controle do tabagismo, realizado pela Secretaria de Saúde, é um projeto formado por uma equipe multidisciplinar para ajudar os participantes que desejam largar a dependência pela nicotina. A iniciativa já foi premiada como destaque, no 70º Congresso Cosem/SC (Conselhos de Secretarias Municipais de Saúde de Santa Catarina), realizado no mês de abril, em Piratuba. Agora, nos dias 2 e 3 de julho, o projeto será apresentado em Brasília, por profissionais da saúde de Concórdia, no 35º Congresso Conasems (Conselho Nacional de Secretarias Municipais de Saúde), entre os principais projetos de Santa Catarina.

Com o título "Tabagismo: Interdisciplinaridade, trabalho em grupo e educação em saúde" o projeto foi classificado e será apresentado no congresso. A equipe multidisciplinar formada por médico, farmacêutico, enfermeiros, fisioterapeuta, psicóloga, nutricionista e assistente social, formam grupos que participam de reuniões com o seguinte cronograma: avaliação, encontro de abertura, quatro encontros semanais, passando para um encontro à cada 15 dias. São oito reuniões e a última de encerramento, com a confraternização e participação das famílias.

Nas reuniões os participantes fazem terapia em grupo e tratamento medicamentoso, além do trabalho integrado desenvolvido pela equipe de profissionais. São, em média, quatro grupos ao ano. A enfermeira Ezilda Miranda, comenta que o atual grupo é formado por 30 pessoas e, destas, 18 pararam de fumar. As reuniões acontecem na Policlínica, e os pacientes de diversos bairros são encaminhados para este serviço centralizado.

O tabagismo é uma doença crônica que representa a principal causa de mortes evitáveis no mundo. É considerada uma doença pediátrica, pois 80% dos fumantes começam a fumar antes dos 18 anos de idade. O cigarro é responsável pelo alto índice de diversos tipos de cânceres, além de fator de risco para desenvolvimento de tais doenças. Foi instituído o dia 29 de maio como Dia Mundial contra o Tabaco e 29 de agosto como o Dia Nacional de Combate ao Fumo. O programa instituído em Concórdia é orientado pelo Ministério da Saúde e pelo Instituto Nacional de Câncer - INCA.

Fonte: Prefeitura de Concórdia





SEJA O PRIMEIRO A COMENTAR




VEJA TAMBÉM