ÁREA RESTRITA - Bem Vindo {NOME_USUARIO}




NOTÍCIAS


GERAL

A Inteligência Emocional e a capacidade de liderar
Especialista afirmam que habilidade pode ser desenvolvida


Por Simone Vieira
29/06/2019 - 13h



Foto: fluir.mykajabi.com

Conforme publicação da Revista Exame, a inteligência emocional é considerada hoje por especialistas parâmetro mais importante do que o QI para determinar se um profissional terá bom desempenho e capacidade de liderança.

Os psicólogos Peter Salovey e John D. Mayer definiram inteligência emocional como: ” a capacidade de perceber e exprimir a emoção, assimilá-la ao pensamento, compreender e raciocinar com ela, além de saber regulá-la em si mesmo e nos outros.”

Na prática, isso significa que a inteligência emocional está relacionada a perceber emoções, raciocinar a partir do que dizem as emoções, entender o que essas emoções significam, gerenciá-las. 

Segundo o psicólogo Daniel Goleman, inteligência emocional exige um conjunto de cinco habilidades:

Autoconsciência: capacidade de reconhecer as próprias emoções.
Autorregulação: capacidade de lidar com as próprias emoções.
Automotivação: capacidade de se motivar e de se manter motivado.
Empatia: capacidade de enxergar as situações pela perspectiva dos outros.
Habilidades sociais: conjunto de capacidades envolvidas na interação social.

Fonte: Revista Exame




SEJA O PRIMEIRO A COMENTAR






© - Ideia Good - Soluções para Internet