Rádio Rural AM 840

NOTÍCIAS


Polícia

Delegado concordiense fala sobre maior apreensão de ecstasy em Chapecó

Com os suspeitos foram encontrados cerca de 259 comprimidos da droga.

Por Ederson Vilas Boas
10/09/2019 às 07h43 | Atualizada em 10/09/2019 - 07h59


Na manhã desta segunda-feira (9), por volta das 10h15, a Polícia Civil de Chapecó (SC) e a Divisão de Investigação Criminal (DIC), em entrevista coletiva para imprensa do município, detalhou o assunto de sete prisões nos últimos cinco dias que resultaram na maior apreensão de drogas até o momento no ano de 2019.

Seguindo a cronologia dos fatos, a primeira apreensão ocorreu na tarde da última quarta-feira (4), no bairro Presidente Médici, onde três pessoas foram presas em um estabelecimento comercial por tráfico de cocaína.O segundo caso foi na madrugada de sábado (7), e ocorreu nas proximidades do bairro Santa Maria, onde a Polícia prendeu um homem de 26 anos, o suspeito estava traficando drogas em uma festa.

Com ele foram apreendidos diversos ”pinos” de cocaína. A terceira ocorrência na tarde de sábado, ocorreu no bairro Santo Antônio, em Chapecó, onde um homem de 23 anos foi preso com uma quantia de cocaína, dinheiro e uma balança de precisão.E a última apreensão foi na madrugada de domingo (8), onde os policias prenderam dois suspeitos – de 28 e 29 anos – por trafico de Ecstasy e Loló – uma droga líquida. Com os suspeitos foram encontrados cerca de 259 comprimidos de Ecstasy.

O delegado Regional da Polícia Civil, o concordiense Ricardo Casagrande falou sobre a operação da Polícia em conjunto com a Divisão de Investigação Criminal (DIC). ACOMPANHE NO VÍDEO

Fonte: ClicRDC

Confira o vídeo:







SEJA O PRIMEIRO A COMENTAR




VEJA TAMBÉM