Rádio Rural AM 840

NOTÍCIAS


Especial

CDL comemora 50 anos em 2020 e realiza mais uma edição da Femix

Em entrevista especial, presidente da entidade analisou 2019.

Por Luan de Bortoli
01/01/2020 às 06h55 | Atualizada em 01/01/2020 - 11h49


O comércio, de forma geral, ainda não retornou aos patamares anteriores à crise brasileira de 2015. Mas aos poucos, assim como a economia vai se recuperando, este setor também melhora. Os passos ainda são lentos, mas já há avanços. Em Concórdia, em específico, os resultados são considerados positivos, principalmente para 2020, conforme a Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL).

Em entrevista especial, o presidente da entidade, Rogério Cecchin, destacou que o município de Concórdia é diferenciado de outras cidades. Por isso, em muitos momentos de crise, o município, apesar de ter sido afetado, não sentiu fortemente os reflexos dela, especialmente por aquilo que o presidente gosta de destacar: a população confia e costuma comprar no comércio local.

“Nossa avaliação foi bem positiva. O ano de 2019 veio com novidades a nível nacional. O comércio vive de energia positiva, como costumo falar. E 2019, pelas mudanças, os jurados baixando, FGTS à disposição, e essas pequenas ações fizeram que o ano tenha sido positivo. Percebemos que o nosso comércio local buscou se modernizar, entramos na era digital. Tá na hora de nossa cidade olhar mais para o digital”, diz Cecchin.

Um dos destaques do ano, conforme o presidente, foi a campanha de prêmios, realizada de forma digital pela primeira vez. “Fizemos uma campanha toda digital, com uma surpresa grande. A gente atingiu nosso objetivo logo nos primeiros dias de campanha, com mais de 30 mil aplicativos baixados, o que representa mais de 60% da população economicamente ativa. É um incentivo para entrar no digital. Ela alcançou bem mais do que esperávamos”.

Principal momento para o comércio, o fim do ano foi de bons resultados. A Black Friday e a campanha de Natal alcançaram boas vendas, conforme Cecchin. “A gente começou o ano com o Bazar, que nos surpreendeu com o volume de vendas. E nós imaginávamos um ano muito bom. E a Black Friday foi uma das ações que a gente teve uma grata surpresa. O resultado foi excepcional. A população acreditou e isso deu o pontapé inicial nas vendas do fim do ano. E Concórdia é diferente, o nosso consumidor é fiel. Graças a Deus um fim de ano acima do ano passado”.

Na entrevista, o presidente também comentou sobre o período em que o comércio viveu uma onda de crimes. A fase foi superada devida à união dos empresários e pelo grupo de whatsapp Comércio Seguro. “É um grupo que já temos, já recebi ele formado, montado. A gente não pode só esperar da polícia, do poder público. Temos em nossas mãos uma ferramenta importante, o whatsapp. E isso faz com que Concórdia tenha tido muito êxito para prender assaltantes, pessoas que aplicam calote”.

2020

Com o novo ano começando, a CDL já projeta um período ainda melhor para Concórdia. “Todas as ações que fizemos nesse ano serão repetidas. Temos alguns pontos positivos, temos a Femix. A expectativa nossa é que 2020 seja ainda melhor que 2019. Trabalhamos questões também que vínhamos esquecendo um pouco, como as imobiliárias, construção civil. Teremos ações nestes segmentos em 2020, que deve ser bem acima de 2019”.

Neste novo ano, em maio, a CDL comemora 50 anos, momento que deve ser um dos pontos altos para a entidade. “Esse ano, é muito especial. Não é sempre que se comemora 50 anos. E eu quero falar para os associados que a gente quer comemorar com eles. Já vamos adiantando que estamos trabalhando com carinho, faremos uma festa. Que bom que a economia também vem melhorando nesta época”.

E ainda vem mais uma edição da Femix, cerca de grandes expectativas. “É o auge da entidade. É uma oportunidade que a gente cria para que o associado consiga alavancar o ano. Podem acreditar na Feira, que a gente está trabalhando com carinho. A Femix nasceu de uma ação com o negócio imobiliário. E percebemos que pelos volumes de associados, foi uma parte que teve menos espaço, e nós vamos fazer uma feira de grandes negócios. Ela é uma feira de negócios”. 

A primeira e principal ação do ano da CDL em Concórdia será o Liquida Tudo Concórdia, para a reta final de janeiro. Em seguida, a entidade também já programa a campanha de volta às aulas. Outras ações, bem como a campanha de prêmios para os consumidores, deverão ser realizadas nos próximos meses.





SEJA O PRIMEIRO A COMENTAR




VEJA TAMBÉM