Rádio Rural AM 840

NOTÍCIAS


Política

Guzzato desmente estar deixando o PL, mas não descarta troca no futuro

Mudança pode ocorrer por conta de discordâncias internas no partido.

Por Luan de Bortoli
08/01/2020 às 06h30 | Atualizada em 08/01/2020 - 07h41


É crescente, nos últimos dias, o boato da possibilidade de o vereador Anderson Guzzato (PL) trocar de partido. A sondagem seria de uma migração para o PSDB. A reportagem da emissora entrou em contato com o político nesta terça-feira, dia 07, para verificar a veracidade da informação. Ao jornalismo, Guzzato disse que até o momento a informação não procede.

Conforme o vereador, não há nada certo no que diz respeito a uma troca de partido, mas também não descarta que isso possa acontecer. Ele explica que há uma discordância interna envolvendo o próximo pleito eleitoral. Uma ala do PL defende deixar a coligação com o PSDB e lançar uma candidatura própria. Outra ala, da qual ele faz parte, prefere dar continuidade ao trabalho.

O vereador explica que a sensação é que a voz dele, como representante eleito do povo, não tem sido ouvida dentro do partido no que diz respeito aos alinhamentos ao pleito, dando a entender que já não se falam a mesma língua internamente. Guzzato disse ainda que o objetivo dele é continuar no PL, onde  foi eleito e está satisfeito, para seguir com o trabalho já feito com a sigla, mas caso a situação interna persista, ele entende que sair é uma das opções.

Em se tratando de política, não há definições. Por isso o vereador acredita que tudo que se estabelece hoje pode mudar nos próximos meses. Assim, Guzzato espera fazer parte de reuniões do PL sobre o pleito para traçar o futuro do partido. A preferência é por ficar na sigla. Mas, caso ele não seja ouvido e opte por sair da legenda, já há outros partidos de olho em seu passe.

Por conta dos boatos, vários representantes de siglas entraram em contato. Mas por haver uma maior proximidade com o atual prefeito Rogério Pacheco, por conta da coligação, o PSDB sai na frente na preferência. Guzzato ainda reiterou que deverá novamente concorrer ao cargo de vereador nas eleições de 2020.





SEJA O PRIMEIRO A COMENTAR




VEJA TAMBÉM