Rádio Rural AM 840

NOTÍCIAS


Justiça

Homem que matou ex-supervisor, em Concórdia, será julgado na semana que vem

Também estão marcados júris para quatro tentativas de homicídio, casos de Concórdia e Seara.

Por Marcos Feijó
04/02/2020 às 15h27 | Atualizada em 05/02/2020 - 14h39



Na terça da semana que vem, dia 11, júri em Concórdia. O réu é W L G D (advogados Osmar Colpani e André Luis Marcusso). Ele responde por homicídio qualificado por motivo fútil. A vítima é Ivonir Recalcate. De acordo com a denúncia, os dois trabalharam juntos. A vítima era supervisora do réu. Acusado pediu demissão em setembro de 2018 e depois tentou ser readmitido, mas não foi aceito. O réu parou o carro em frente ao estacionamento de motos, onde estava a vítima se preparando para voltar para casa após seu turno. O agressor saiu do automóvel e disparou. Três disparos atingiram o homem que chegou a correr em busca de ajuda, mas caiu 16 metros depois sem vida. O crime ocorreu em 3 de janeiro de 2019, por volta de 23h50, na Travessa Lamonatto, centro de Concórdia. O julgamento começará às 9 horas (histórico cedido pelo Tribunal de Justiça).

OUTROS JULGAMENTOS MARCADOS
Nesta sexta-feira(07/02) tem júri em Seara. O réu, de 29 anos de idade, é acusado de tentativa de homicídio em Seara em 2016. Consta que ele atirou contra dois homens. A sessão será na Câmara de Vereadores.

Na terça-feira(18/2) tem tribunal do júri sobre tentativa de homicídio no bairro Santa Rita em Concórdia. 

No dia 24 de março, júri em Concórdia. O réu é acusado de tentativa de homicídio com arma de fogo ocorrida em setembro de 2017 no Frei Lency em Concórdia. A vítima estava dentro de automóvel e foi alvejada na perna. O agente responde em liberdade. 

Outra tentativa de homicídio em Concórdia tem julgamento marcado para 14 de abril. O crime foi em maio de 2015 na rua João Suzin Marini em Concórdia, numa residência, com golpes de faca. Este réu também responde em liberdade. 





SEJA O PRIMEIRO A COMENTAR




VEJA TAMBÉM