Rádio Rural AM 840

NOTÍCIAS


Geral

Preço da gasolina começa a cair em Concórdia

Etanol e Diesel também têm baixas na média semanal.

Por Luan de Bortoli
31/03/2020 às 06h28 | Atualizada em 31/03/2020 - 18h31


Impactado pela pandemia do coronavírus, o preço dos combustíveis começa a cair também nos postos de Concórdia. Até então, nas últimas semanas, a Petrobrás vinha anunciando reduções do preço nas refinarias, mas consumidores reclamavam que não sentiam a baixa. No entanto, o levantamento da Agência Nacional do Petróleo já mostra que as bombas reduziram os valores.

A gasolina concordiense alcançou na semana passada, entre 22 e 28 de março, a média semanal de R$ 4,33, a menor das últimas dez semanas. Para efeito de comparação, na semana anterior, a média semanal era de R$ 4,42, ou seja, redução de nove centavos em uma semana. Já lá no início de março a média era de R$ 4,52. Portanto, nas últimas quatro semanas houve uma redução de 19 centavos. Pelos dados da ANP, é possível verificar também que a gasolina de Concórdia deixou de ser a mais cara para Palhoça e São José.

Baixa também no etanol. Pelo levantamento feito pela reportagem, ele alcançou R$ 4,09 na média semanal da semana passada. São quatro centavos a menos do que o registro na primeira semana de março. Com esta redução, Concórdia agora deixa o posto de etanol mais caro para Videira. E assim como a gasolina, essa média semanal também já é a menor das últimas dez semanas.

O diesel também viu seu preço médio reduzir. Na semana passada, o produto chegou a R$ 3,50 nos postos de Concórdia. São 16 centavos a menos do que  a média registrada na primeira semana deste mês. Conforme os dados da ANP, o diesel concordiense está entre os menos valores médios de Santa Catarina.

No acumulado do ano, a redução do preço da gasolina nas refinarias é de cerca de 40%. Essa queda se dá por conta da baixa internacional do petróleo. O preço do produto tem caído semanalmente por conta da pandemia do coronavírus, e a Petrobrás, para equiparar o valor dentro da política de preços da empresa, também o diminui.





SEJA O PRIMEIRO A COMENTAR




VEJA TAMBÉM