Rádio Rural AM 840

NOTÍCIAS


Geral

Trabalhadores da BRF passarão a receber auxílio-creche a partir de julho

O valor será de 5% do piso de efetivação da empresa.

Por Luan de Bortoli
01/06/2020 às 06h17 | Atualizada em 01/06/2020 - 07h45


Benefício conquistado na última negociação salarial, os trabalhadores da BRF passarão a receber o auxílio-creche a partir do mês de julho. As informações são do Sindicato dos Trabalhadores nas Indústrias da Alimentação de Concórdia e Região (Sintrial). O valor será de 5% do piso de efetivação da empresa (R$ 1.290,00), em média R$ 65,00. 

Segundo o presidente do sindicato, Jair Baller, o auxílio-creche passou a valer no dia 1º de maio deste ano e será pago retroativo no início do mês de julho. Isso significa que os funcionários receberão o equivalente a duas parcelas. O pagamento será feito após a licença-maternidade ou férias das mães e se estenderá mensalmente até a criança completar dois anos de idade. 

“Essa cláusula estava garantida para entrar em maio desse ano. Vai ficar retroativo na folha de julho, em virtude de a empresa não ter conseguido fazer todo o cadastro de quem terá o direito do auxílio. São 65 mensais até que a criança tenha dois anos de idade. Se a mãe tiver duas crianças até dois anos no CMEI pode receber. A gente ainda não tem o número certo de trabalhadores que receberá, mas é mais um valor que vai girar no comércio”.

Há outros benefícios que serão repassados aos trabalhadores. Entre eles, o quinquênio, que valoriza os trabalhadores que possuem mais tempo de empresa, os créditos que somaram no ano R$ 2.185,00 para cada trabalhador(a), aportes e outros, trouxeram ganhos financeiros significativos aos trabalhadores. 





SEJA O PRIMEIRO A COMENTAR




VEJA TAMBÉM