Rádio Rural AM 840

NOTÍCIAS


Coronavírus

BRF conclui testagem de colaboradores da unidade de Concórdia

Resultado de teste específico para Covid-19 aponta 1,65% de positivos

Por Luan de Bortoli
09/06/2020 às 11h40


A testagem dos colaboradores da BRF em Concórdia confirmou casos positivos em 1,65% dos trabalhadores da unidade, depois do resultado do teste específico para Covid-19, o RT-PCR. A Companhia tem utilizado a aplicação de testagem como meio de ser mais assertiva em suas medidas protetivas, intensificou este processo proativamente em seus colaboradores, expandindo a utilização de testes em casos assintomáticos, protocolo adotado nas operações da Companhia no Brasil.

Dos 341 funcionários apontados como suspeitos nos testes rápidos, realizados entre 21 e 24 de maio, 85 tiveram o diagnóstico mantido no RT-PCR, e 256 apresentam resultado negativo. Todos os profissionais com diagnóstico positivo para Covid-19, que estavam afastados de maneira preventiva, retornaram ao trabalho depois de 14 dias. O colaborador afastado não tem nenhum prejuízo financeiro durante o período que permanece fora da empresa. Ele só é liberado para trabalhar após uma nova avaliação dos médicos da área de saúde da empresa. Se necessários exames adicionais, estes serão realizados, e o trabalhador permanecerá afastado até que esteja clinicamente apto para o retorno.

A BRF reforça que os testes têm funcionado como uma barreira de contenção para a Covid-19, junto com as demais medidas tomadas desde o início da pandemia, para preservar a saúde de todos colaboradores, de suas famílias e da comunidade.  As ações, inclusive, preveem busca ativa para conferir se familiares e colegas de trabalho contraíram o vírus. Além disso, quando surgem sintomas suspeitos, a empresa não espera a aplicação do teste rápido para fazer o RT-PCR, de forma a reduzir risco de contaminação.

A Companhia já implementou de forma proativa uma série de ações protetivas em todas as suas operações, contando com um Comitê Permanente de Acompanhamento Multidisciplinar, composto por executivos e especialistas, como o infectologista Esper Kallas, além da consultoria do Hospital Israelita Albert Einstein. Entre as iniciativas adotadas estão uso obrigatório de máscaras e demais EPIs recomendados para proteção contra a Covid-19, distanciamento mínimo entre funcionários, medição de temperatura nas entradas das unidades, limite de 50% da capacidade de trabalhadores nos veículos fretados, afastamento de colaboradores do grupo de risco e casos suspeitos, busca ativa de potencial contaminação, reforço de higienização em diversas áreas e nos veículos de transporte, aplicação de testes para diagnóstico da Covid-19, vacinação contra gripe e atendimento médico 24 horas sete dias por semana.

A Companhia salienta que está muito segura do cumprimento efetivo de todas as medidas protetivas e protocolos indicados pela Organização Mundial da Saúde (OMS) e Ministério da Saúde. A empresa cumpre todos os decretos municipais e estaduais, como também o compromisso nacional firmado junto ao Ministério Público do Trabalho, nos quais estão descritos as práticas e condicionantes que garantem pontos fundamentais na prevenção à Covid-19. A BRF também intensificou a comunicação das medidas protetivas e pede a todos os seus colaboradores que sigam as orientações de saúde das autoridades dentro e fora do ambiente profissional.

Fonte: Assessoria de Imprensa





SEJA O PRIMEIRO A COMENTAR




VEJA TAMBÉM