Rádio Rural AM 840

NOTÍCIAS


Geral

​Defesa Civil e Epagri descartam ‘segunda onda do ciclone’ em SC

Segundo publicação nas redes sociais, ventos desta quarta-feira seriam mais fortes que os de terça.

Por Ederson Vilas Boas
01/07/2020 às 06h05 | Atualizada em 01/07/2020 - 17h55


Na noite desta terça-feira (30) circulou nas redes sociais uma informação sobre uma ‘segunda onda do ciclone’ que atingiu Santa Catarina. A publicação indicava que uma nova ventania na quarta-feira (1) seria ainda mais forte que a registrada nesta terça-feira. Segundo a Epagri e a Defesa Civil de Santa Catarina, a informação não procede.

Gilçania Cruz, meteorologista da Epagri/Ciram descartou a informação divulgada nas redes sociais. Segundo ela, o Estado pode registrar vento forte, mas não uma ‘segunda onda do ciclone’.

“Nós tivemos a instabilidade associada a uma frente fria que passou pelo nosso Estado, que também foi associado a formação de um ciclone, no litoral do Rio Grande do Sul. Devido a essas tempestades, tivemos ventos mais fortes que causaram a destruição. Agora, o que temos pela frente, são ventos persistentes, previstos para o final da noite desta terça-feira, se estendendo até a manhã de quarta-feira, que é associado a diferença de pressão entre o ciclone, que está posicionado no litoral do Rio Grande do Sul e o avanço de uma massa de ar frio, que é uma alta pressão. Isso gera ventos mais fortes e persistentes. Ainda temos a previsão de ventos no Litoral e Serra de Santa Catarina, entre 60 e 80km/h. Principalmente na Serra e Litoral Sul do Estado, pode ainda ter ventos de 100km/h ou até mais. Pelos menos até o período da manhã de quarta-feira, ainda estamos em alerta”, disse Gilçania

A Defesa Civil de Santa Catarina também se posicionou sobre a publicação e descartou que os ventos da quarta-feira serão piores que os registrados nesta terça-feira.

Fonte: ClicRDC





SEJA O PRIMEIRO A COMENTAR




VEJA TAMBÉM