Rádio Rural AM 840

NOTÍCIAS


Saúde

Dengue: Concórdia passa dos 700 focos e tem dois casos suspeitos

Em 2020, Concórdia só havia atingido esta marca em maio.

Por Luan de Bortoli
18/02/2021 às 06h28 | Atualizada em 18/02/2021 - 18h48


Concórdia registrou mais 31 focos do mosquito Aedes aegypti, que transmite doenças como dengue, chikungunya e zika, somente nesta semana, entre segunda e quarta-feira, dias 15 e 17, conforme os dados divulgados pela Diretoria de Vigilância Epidemiológica de Santa Catarina (DIVE), em seu boletim diário. As informações são da tarde desta quarta-feira.

Com isso, o total de vetores do inseto, localizados em fevereiro, chegou a 266. E no acumulado do ano, o número já superou os 700 focos. Somente entre janeiro até ontem, eram 712 focos, praticamente o dobro do registrado no mesmo período do ano passado. Em 2020, Concórdia só havia atingido esta marca quase três meses depois, em maio.

Com o aumento de focos, aumenta a preocupação da doença. O município tem um caso confirmado de uma mulher de 25 anos, do bairro Natureza, que contraiu a doença dentro de Concórdia. Agora, o município tem ainda dois casos suspeitos da doença. Ambos aguardam resultados do Laboratório Central de Florianópolis e, se confirmados, deverão também ser contaminação dentro de Concórdia.

O município está em alerta para a possibilidade de ocorrência de uma epidemia de dengue pela grande quantidade de focos presentes, conforme a equipe da vigilância epidemiológica. Concórdia é considerada infestada pelo mosquito desde 2019 e, pelo menos, 11 bairros também já são classificados como infestados.





SEJA O PRIMEIRO A COMENTAR




VEJA TAMBÉM