Rádio Rural AM 840

NOTÍCIAS


Região

Assembleias da AMAUC, Consórcio Lambari e CIS Amauc ocorreram na última sexta-feira

Entre os assuntos, prefeitos relataram sobre estiagem e covid-19.

Por Luan de Bortoli
02/05/2021 às 06h19


Os prefeitos e a prefeita da região do Alto Uruguai Catarinense estiveram reunidos na manhã da última sexta-feira (30), para debater e encaminhar sobre assuntos relacionados à AMAUC, CisAmauc e Consórcio Lambari. Inicialmente foram apresentados os relatórios anuais das três entidades e apreciação das contas relativas ao exercício de 2020.

Durante a reunião, os gestores relataram e manifestaram preocupação com a estiagem que assola a região que vem impactando principalmente os setores da agroindústria, agricultura e pecuária. As administrações estão mobilizadas junto à Defesa Civil, traçando estratégias de abastecimento de água conforme às demandas, pensando em ações de curto, médio e longo prazo, uma vez que a estiagem tem se mostrado um evento cíclico no Estado de Santa Catarina e conforme previsões deve ser amenizada somente no mês de agosto. Como encaminhamento será realizada uma reunião com os Secretários de Agricultura para levantamento da atual situação e posteriores deliberações regionais.

Quanto às medidas adotadas para conter a disseminação da Covid-19, todos tem seguido o determinado pelos decretos emitidos pelo Governo do Estado. “Temos nos empenhado na busca de mais vacinas para agilizar a imunização da população, essa é a prioridade da nossa região. Continuamos trabalhando de forma conjunta, fiscalizando e conscientizando a população sobre as medidas preventivas, pensando sempre em resguardar as vidas e manter a economia”, ressalta a presidente da associação Prefeita de Arabutã, Leani Schmitt.

Na pauta do Consórcio Lambari foram repassadas informações sobre os encaminhamentos do convênio Tratrasan que está em fase de finalização, com objetivo de buscar alternativas para a readequação das ações já previstas nos Planos de Saneamento Básico Municipal para o tratamento do esgotamento sanitário. Este trabalho vai atender aos municípios com menos de 15 mil habitantes.

Ainda, foram repassadas informações sobre o convênio RECUPERAR, assinado entre o Governo do Estado de Santa Catarina e o Consórcio Lambari, para manutenção das estradas estaduais dos 14 municípios da região do Alto Uruguai Catarinense. O presidente do Consórcio Lambari, prefeito de Concórdia Rogério Pacheco, falou da importância deste trabalho para a região, uma vez que o objetivo principal é deixar as rodovias estaduais com uma trafegabilidade mais segura.

Saiba como estão o andamento dos serviços do RECUPERAR na região do Alto Uruguai Catarinense:

Limpeza de Plataforma (Limpeza de bueiro, caixa coletora, sarjeta e meio-fio, placas de sinalização. Limpeza e pintura de pontes. Limpeza manual de valetas. Capina manual, roçada manual e mecanizada. Carga e transporte de carga vegetal e poda de árvore (5 a 7, 50m de altura)
 
  • SC 390 – Executada a roçada e poda. Em finalização limpeza de canaleta, bueiros, capina e limpeza de pontes e placas
  • SC 283 - Finalizando a roçada e poda. Na próxima semana inicia limpeza de canaleta, bueiros, capina e limpeza de pontes e placas.
  • SC 154 e 155 – Iniciando o serviço de roçada e poda.
  • Recuperação de Rodovias – Tapa buraco (lembrando que o convênio não inclui obras estruturantes ou recuperação de estradas em estado precário)
A empresa vencedora da licitação irá iniciar os trabalhos na primeira quinzena de maio na SC 283 e na sequência na SC155.

Recuperação de estrada estadual não pavimentada:

Trecho da SC 154 - Ipumirim a Vargeão - Em função de duas licitações restarem desertas para contratação de empresa para execução do serviço, o Consórcio Lambari recebeu permissão do Secretaria de Estado de Infraestrutura – SIE, para licitar somente o material necessário e o município de Ipumirim executar o serviço. O material está sendo entregue no município, que já iniciou o serviço para melhoria da rodovia.

Na pauta do Cis Amauc foi homologado o reajuste no valor das consultas e inclusão de novos serviços na tabela CIS. O Presidente do Consórcio, prefeito de Seara, Edemilson Canale, destacou a evolução do CIS nos últimos três anos e o trabalho realizado para garantir um melhor acesso com mais qualidade na prestação dos serviços e no atendimento à população, “atualmente em torno de 90% dos atendimentos são realizados por prestadores dentro da região e este crescimento só ocorreu graças ao trabalho conjunto realizado e a adesão dos prestadores de serviço ao consórcio”.

Fonte: Assessoria AMAUC





SEJA O PRIMEIRO A COMENTAR




VEJA TAMBÉM