Rádio Rural

NOTÍCIAS


Estiagem

​Construção de poços subterrâneos aumentou 50% nos últimos 3 anos

Aquíferos são soluções para os produtores rurais em meio a estiagem.

Por Lucas Villiger
19/07/2021 às 08h40


A forte e extensa estiagem afeta a região por mais de 2 anos, com isso os produtores rurais buscam outras alternativas para minimizar os danos da falta de água. A região tem dois grandes aquíferos dos quais as águas são coletadas através de poços artesianos, que virou uma solução para os produtores rurais.

A engenheira ambiental e mestre em recursos hídricos, Aline Rech, fala da situação dos aquíferos da região. “Tendo em vista também que a profundidade média pra se alcançar a água do Aquífero Serra Geral são poços de aproximadamente 100 metros, e enquanto para perfurações do Aquífero Guarani, a profundidade oscila entre 350 e 700 metros”, comenta. “A média da profundidade para poços da região de Concórdia seria de 500 metros, então, o aumento do uso da água subterrânea está em função mesmo do Aquífero Serra Geral, que é um aquífero mais superficial”, completa Aline.

Aline também comenta sobre os poços subterrâneos que são utilizados no meio rural. “Nos últimos anos, a região tem sofrido uma estiagem severa, e isso tem feito com que se aumentasse o consumo de água subterrânea”, discorre. “Então, de acordo com empresas locais, especificamente a Hidroani Poços Artesianos, o aumento de poços ou da construção de poços subterrâneos aumentou 50% nos últimos 3 anos em que tem se observado um período crítico de estiagem e consequentemente na necessidade de água pra abastecimento de propriedades rurais, então a grande demanda está voltada pra área”, finaliza Aline..

Aline Rech coletou informações sobre o assunto com a professora doutora Janete Facco e o geólogo Michael Oliveira da Hidroani Poços Artesianos.





SEJA O PRIMEIRO A COMENTAR




VEJA TAMBÉM