Rádio Rural

NOTÍCIAS


Esportes

Técnico do Galo mantém os pés no chão: "Ainda não conquistamos nada"

Apesar da vantagem de jogar por um empate, Itamar Schulle fala em manter o foco e respeito ao rival.

Por Rafael Martini
14/03/2022 às 11h04 | Atualizada em 15/03/2022 - 08h36


O Concórdia Atlético Clube empatou com a Chapecoense neste domingo (13) na Arena Condá em Chapecó, em jogo de ida das quartas de final do Campeonato Catarinense. O placar de 1x1 da vantagem ao Galo do Oeste de jogar pelo empate por qualquer placar para equipe concordiense avançar a semifinal e garantir uma vaga a Série D do brasileirão em 2023.

Na entrevista coletiva após o apito final, o técnico do Galo, Itamar Schulle, pregou cautela e disse que a equipe ainda "não conquistou nada".

"Nosso propósito era conseguir uma vitória e, lógico, nós tivemos um adversário de muita qualidade pela frente, que é a Chapecoense. Mas, como eu também vinha dizendo durante a semana, a gente sabe da luta que foi a cada jogo desde o início para chegarmos onde nós chegamos. Claro que não conquistamos nada. Conseguimos um empate fora de casa e agora nós vamos jogar com o apoio do nosso torcedor que, desde já, eu chamo e venha nos ajudar", explica.

"Tivemos algumas situações muito boas dentro de campo e outras precisando ser corrigidas e,  nós vamos tentar durante a semana organizar para chegar forte e decidir em casa", pontua.

Para Itamar Schulle, as quartas de final se trata de uma "nova competição" e, a posição na fase classificatória não deve servir de acomodação para a equipe no jogo da volta.

"Quando se disputa um campeonato no sistema mata-mata, o que ficou para trás é passado. Em 2020, a Chapecoense foi a oitava e conquistou o título. Então é mata-mata, é uma decisão e, decisão, se joga como hoje. Nós começamos melhor, depois sofremos alguns ataques do adversário, mas isso é uma decisão, é assim", frisou.

"Vamos manter o que nós construímos de bom na partida,  sabemos que a Chapecoense é agressiva e,  para isso, nós vamos trabalhar essa semana para que a gente consiga ao final da partida conquistar essa vitória tão importante para a história do Concórdia Atlético Clube.", conta.

Com a semana livre para treinar e encaminhar a equipe para o jogo da volta, Itamar Schulle ainda não sabe se poderá contar os retornos de Ruy e Lucas Batatinha, que não atuaram no clássico neste domingo, ambos entregues ao departamento médico. O zagueiro William Alves deixou o gramado mais cedo e será reavaliado.

Apesar da vantagem de jogar por um empate simples e diante do seu torcedor, o técnico do Galo afirmou manter o foco e o respeito ao adversário.

"Primeiramente vamos respeitar muito o adversário, como a gente sempre fez. Manter a nossa humildade. Conquistamos apenas um empate fora de casa que nos da condição de empatar novamente, mas não é isso que vamos fazer, temos que nos preocupar em vencer, manter o foco e continuar trabalhando para esta decisão tão importante em nossa cidade", finalizou Schulle.

Concórdia x Chapecoense se enfrentam em partida de volta das quartas de final do catarinense neste domingo (20), às 16h no Estádio Municipal Domingos Machado de Lima. A Rádio Rural transmite todas as informações a partir das 14h30.
 
Quer receber nossas notícias em primeira mão? Entre no nosso grupo de notícias no WhatsApp clicando aqui e receba as principais matérias do dia para ficar sempre bem informado com os acontecimentos da cidade e região. Te convidamos também para nos seguir no Instagram através do @radioruralconcordia e acompanhar os bastidores da Rádio, com conteúdos exclusivos de vídeos e imagens.





SEJA O PRIMEIRO A COMENTAR




VEJA TAMBÉM