Rádio Rural

NOTÍCIAS


Geral

​Gás de cozinha de Concórdia aumenta em abril mas é um dos mais baratos de SC

No ano, produto já subiu 11% em Concórdia, aponta ANP.

Por Luan de Bortoli
13/05/2022 às 06h16 | Atualizada em 13/05/2022 - 17h52


Diferente do rápido aumento no valor dos combustíveis, o preço do gás de cozinha (GLP – Gás Liquefeito de Petróleo) de Concórdia tem apresentado oscilações menos severas para o consumidor. Em abril, conforme dados divulgados pela Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP), o produto fechou com média de R$ 113,13.

A alta mensal em comparação com março foi de apenas 3%, conforme levantamento feito pela reportagem da emissora. No terceiro mês do ano, o gás de cozinha estava custando uma média de R$ 110 em Concórdia, de acordo com a ANP. No quarto mês do ano, o preço do botijão variava de R$ 100 até R$ 120 nos diversos estabelecimentos do município.

De acordo com os dados da ANP, este valor encontrado em Concórdia é um dos menores de Santa Catarina. Enquanto a gasolina concordiense, por exemplo, está entre as mais caras, o gás de cozinha do município é o segundo mais barato do Estado, atrás apenas do botijão encontrado em Laguna, que estava custando, em média, R$ 108 no mês anterior.

No entanto, apesar de uma quase estabilidade no valor médio, no histórico a situação se inverte. Desde o início do ano, o valor do produto já subiu 11% em Concórdia. No começo de 2022, era possível encontrar o botijão por uma média de R$ 102. Já agora na primeira semana de maio, o produto está custando quase R$ 115 em média, apontando para mais uma alta.

No Estado, o gás de cozinha mais caro está na cidade de Caçador, com uma média de R$ 138, enquanto que o segundo maior valor médio é de Chapecó, com R$ 137, apontou o levantamento da Agência Nacional. Com exceção de Laguna, todas as demais cidades catarinenses possuem média acima de R$ 110 no produto. 

Este aumento ocorreu em função do impactos causados pela Guerra na Ucrânia. A tendência era para uma redução ou estabilidade maior no valor, já que a Petrobras diminuiu o valor do gás de cozinha em abril, mas nos preços semanais, o produto segue com altas.
 
Quer receber nossas notícias em primeira mão? Entre no nosso grupo de notícias no WhatsApp clicando aqui e receba as principais matérias do dia para ficar sempre bem informado com os acontecimentos da cidade e região. Te convidamos também para nos seguir no Instagram através do @radioruralconcordia e acompanhar os bastidores da Rádio, com conteúdos exclusivos de vídeos e imagens.





SEJA O PRIMEIRO A COMENTAR




VEJA TAMBÉM