Rádio Rural

NOTÍCIAS


Saúde

Sábado será de vacinação da covid, gripe e sarampo em Concórdia

Ações especiais serão para avançar na vacinação, que está abaixo do esperado.

Por Luan de Bortoli
27/05/2022 às 06h11 | Atualizada em 28/05/2022 - 07h31


De olho na baixa adesão na vacinação, a administração municipal de Concórdia realiza neste sábado, dia 28, um dia especial de imunização para toda a população dos respectivos grupos contemplados. A ação ocorre principalmente porque está bastante aquém do esperado a procura pela vacinação contra a covid, gripe e sarampo.

A primeira etapa desta edição especial será no período da manhã, com foco na aplicação das doses contra a covid-19. A ação será das 08h00 às 11h30, na Unidade Sanitária, localizada na rua Osvaldo Zandavalli. Não é preciso agendamento para receber a vacina. Na oportunidade, as equipes vão aplicar todas as quatro etapas de imunização aos grupos autorizados.
 
  • 1ª dose e 2ª dose para crianças de 5 a 11 anos e para adolescentes de 12 a 17 anos. Adolescentes imunossuprimidos poderão receber a 3ª dose;
  • 1ª, 2ª e 3ª doses para pessoas a partir dos 18 anos. A quarta dose a partir dos 65 anos;
  • Imunossuprimidos com 18 anos podem receber 
  • 1.ª, 2.ª, 3.ª e 4.ª doses, respeitando o intervalo de 28 dias para a 3ª e quatro meses entre os dois reforços;
  • Pessoas a partir de 65 anos podem receber 1.ª, 2.ª, 3.ª e 4.ª doses desde que tenham completado quatro meses de intervalo entre as doses.

Já o dia D da Campanha Nacional de Vacinação contra a gripe e o sarampo será no período da tarde. Conforme a prefeitura, a ação está agendada para ocorrer entre 12h30 e 16h30 também na Unidade Sanitária. Esta é a reta final da campanha. Ela começou em abril e termina na próxima sexta-feira, dia 03. Serão contemplados apenas os grupos prioritários:

Crianças com idade de 6 meses a 4 anos 11 meses e 29 dias; Pessoas com 60 anos ou mais; Trabalhadores da saúde; Gestantes e puérperas; Povos indígenas; Professores das escolas públicas e privadas; Profissionais das forças de segurança e salvamento e das forças armadas; Portadores de doenças crônicas não transmissíveis e outras condições clínicas especiais; Pessoas com deficiência permanente; Caminhoneiros; Trabalhadores do transporte coletivo rodoviário de passageiros urbano e de longo curso; Trabalhadores portuários; Adolescentes e jovens de 12 a 21 anos sob medida socioeducativas; População privada de liberdade e funcionários do sistema prisional. 

A vacina do Sarampo é aplicada nos trabalhadores de saúde e nas crianças maiores de 6 meses e menores de 5 anos.

A secretaria de saúde de Concórdia está bastante preocupada com os índices da vacinação no município. Recentemente, em entrevista à reportagem da emissora, a equipe ressaltou que os números estão abaixo do esperado. Para a campanha contra o sarampo e a gripe, a previsão é imunizar 90% do público-alvo, mas o percentual até agora está bem abaixo disso.

Em Concórdia, conforme os dados divulgados pela saúde para a reportagem da emissora, apenas 19% das crianças de 6 meses a menores de 5 anos receberam a imunização, 53% dos idosos acima de 60 anos, 38% dos trabalhadores, 10% das gestantes e 22% das puérperas. No sarampo, a situação é semelhante.

Já em relação à covid-19, a maior preocupação é em relação à terceira e quarta doses. A maior parte dos contemplados ainda não procurou a vacinação. O que também chama atenção é a baixa adesão na faixa das crianças em relação à segunda dose. Grande parte deste grupo não voltou para a segunda dose, deixando incompleta a proteção. 
 
Quer receber nossas notícias em primeira mão? Entre no nosso grupo de notícias no WhatsApp clicando aqui e receba as principais matérias do dia para ficar sempre bem informado com os acontecimentos da cidade e região. Te convidamos também para nos seguir no Instagram através do @radioruralconcordia e acompanhar os bastidores da Rádio, com conteúdos exclusivos de vídeos e imagens.





SEJA O PRIMEIRO A COMENTAR




VEJA TAMBÉM